#24 A minha experiência com… Orgulho e Preconceito, de Jane Austen

IMG_20151101_145934

Olá a todos! Estou de volta com mais uma prometida opinião literária. Venho falar-vos da minha releitura de Orgulho e Preconceito, um dos clássicos mais conceituados de Jane Austen e a vossa escolha no último TBR Jar Challenge. E será com muito gosto que venho partilhar esta experiência convosco, uma vez que a vossa sugestão foi de novo ao encontro dos meus gostos… De facto, estava na altura certa para regressar a esta obra, que há sete anos atrás pouca consideração me suscitou. Agora, ganhou um lugar no meu coração.

Continue reading

Advertisements

Encontros de Escrita | Madalena Santos e os seus sete ofícios

madalena1

Conheci Madalena Santos através de uma outra paixão que ambas temos em comum, que não são os livros, mas a música. No entanto, não tardei a descobrir que Madalena não só gostava muito de livros, como também já tinha escrito e publicado não um, nem dois, mas quatro livros. De 2006 a 2010, a saga “As Terras de Corza” foi ganhando vida, como a maior obra literária da autora até agora, a par de outras publicações em jornais, revistas e concursos literários.

Mas se 4 livros publicados aos 28 anos de idade não chegassem para provar o quão trabalhadora e empenhada é, Madalena ainda conjuga a escrita com a advocacia, a música e o voluntariado. Fundou e coordena ainda a Biblioteca de Nogueira da Maia. É de todas estas atividades que lhe vêm a inspiração, admite, até porque todas fazem parte de si. E no meio de tantas atividades, ainda arranjou tempo e entusiasmo para uma entrevista para A Toca do Nunca… Por isso, aposto que vão gostar de conhecer Madalena Santos.

Continue reading

Encontros de Escrita | O Mundo Fantástico de Joana Lopes

Quando olho para trás, vejo que, afinal, foram já várias as pessoas que se cruzaram comigo que partilham o fascínio pelo mundo literário. Uma delas foi Joana Lopes, ex-colega de escola e autora de “A Espada de Jardax – vol. I”. Por isso, e porque este meu blogue também existe para dar voz aos autores que contribuem para que a Literatura Portuguesa se enriqueça, decidi contactar a Joana para uma entrevista e ela aceitou o desafio.

12055269_942376445808498_339372549_o

Joana Lopes tem 25 anos é uma cidadã do mundo. É natural do Porto, mas, trabalhando como tripulante de bordo, os seus voos vão para além da escrita. A sua primeira obra, “A Espada de Jardax – vol. I”, publicada em 2007, quando ainda tinha 17 anos, nasce de uma imaginação profícua que, ainda hoje, a acompanha…

Continue reading