#23 A minha experiência com… És o meu destino, de Lesley Pearse

IMG_20151016_224926

Olá novamente! Hoje não há só uma: há duas opiniões a chegar à Toca. Isto porque terminei há poucos dias de ler “És o meu destino”, de Lesley Pearse, uma leitura que já iniciara em Setembro. E não fazia sentido esperar muito mais para partilhar convosco a minha opinião, pois não? Espero que desse lado estejam muito curiosos por conhecer a minha experiência com o último volume da saga de Belle.

Este romance centra-se na personagem de Mariette, a filha mais velha de Belle, e a acção principal decorre entre 1938 e 1945. Nela acompanhamos o desenvolvimento desta jovem, que parte da Nova Zelândia para Inglaterra em busca de novos desafios. Mesmo na iminência de uma nova guerra mundial, para esta rapariga irreverente, ficar seria bem pior. No entanto, é do meio da devastação e do perigo da guerra que emerge uma nova mulher: mais madura, compassiva, e disposta a arriscar tudo pelos outros. E apesar das suas perdas, é no seu momento mais vulnerável que surge o amor – um amor que resiste a todas as limitações.

Antes de mais, uma das coisas que mais me agradou ao ler “És o meu destino” foi, precisamente, o desvendard o destino das personagens que já conhecíamos: Belle, Étienne, Mog… Apesar de ter sido bastante romanceado, a realidade da paternidade ajudou a transmitir uma sensação de amadurecimento e proximidade com as pessoas comuns. Por outro lado, senti como que uma “lufada de ar fresco” o facto de este se ter centrado numa nova personagem, por sinal com um carácter forte e diferente, que se demarca dos demais, com os seus “felizes para sempre”, e vai explorar outro mundo.

Porém, devo dizer que, no geral, achei que este livro estava mais pobre e menos consistente em relação aos restantes da saga, e em relação a outras obras da autora. A sensação geral que tive foi a de que tudo foi abordado de forma superficial e pouco convincente. Ou seja, e à semelhança do que acontece noutros romances, vemos a protagonista a atravessar uma série de provações e dificuldades. Mais uma vez, o tema da guerra serviu de pano de fundo, ainda que os percursos das personagens sejam muito diferentes. No entanto, só mesmo no final é que comecei a acreditar um pouco na transformação das personagens. Pareceu-me que a autora optou sempre por situações óbvias, não as dissecando e interligando de forma consistente. O discurso das personagens acabou por me parecer, de certa forma, redutor e conformista, como um sinal de que estas personagens não foram profundamente exploradas.

Ainda assim, no final, a autora introduz alguns elementos novos e criativos, fugindo dos clichês habituais, pelos quais eu a admiro bastante. Deste modo, o livro acabou por se tornar mais interessante para mim, uma vez que desafia o leitor a conceber um final com pormenores fora do comum dos romances, encerrando igualmente uma mensagem sobre diversidade. O final, em si, é emocionante, sumariando aquilo que, ao longo de todo o romance Lesley Pearse procurou transmitir, que é a importância da família. E deixa também muitas possibilidades em aberto, pelo que não me admiraria nada que a autora resolvesse continuar a série…

IMG_20151016_225058

Classificação: **** (Muito bom)

Link no Goodreads: https://www.goodreads.com/book/show/23472005-s-o-meu-destino

Mais uma vez, é de recomendar a obra de Lesley Pearse, uma autora que se destaca pelas suas histórias poderosíssimas e personagens inesquecíveis.

Como sempre, espero por vocês num próximo post!


Editora: Edições ASA (http://www.asa.pt/pt/)

1ªEdição: 2014

Páginas: 540

Apresentação: Capa mole com orelhas

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s